O Programa de Investigação na Fronteira das Ciências da Vida é uma iniciativa da Fundação Calouste Gulbenkian para incentivar a originalidade no trabalho de investigação nos domínios das ciências da vida.
O objectivo do Programa é estimular uma atitude de risco nos investigadores mais jovens através da apresentação de propostas com características inovadoras, contendo novas sugestões e ideias criativas. Resulta da necessidade de induzir nos centros de excelência a capacidade de apostar e arriscar nos jovens investigadores, em áreas de fronteira.
O Programa de Investigação na Fronteira das Ciências da Vida dirige-se a investigadores doutorados portugueses ou estrangeiros residentes em Portugal, associados a instituições e centros de investigação portugueses, cuja idade não seja superior a 30 anos em 31 de Dezembro de 2009.
O incentivo financeiro a atribuir às instituições distinguidas no âmbito do programa terá o valor de 50.000 € e destina-se a apoiar directamente a realização de um projecto de investigação autónomo desenhado para criar conhecimento científico novo ou aumentar o conhecimento científico de base, que não procura resolver ou tratar um problema prático.
As candidaturas estão abertas até 29 de Janeiro de 2010.
http://www.gulbenkian.pt/index.php?section=65&artId=383