Estudar no estrangeiro: Programa Comenius oferece novas oportunidades de mobilidade aos alunos do secundário
Ao abrigo de uma nova vertente do programa Comenius, o programa da UE no domínio do ensino escolar, os alunos das escolas secundárias irão ter a possibilidade de passar entre três e dez meses numa escola e família de acolhimento no estrangeiro. Uma estadia no estrangeiro oferece-lhes uma experiência europeia de ensino, aumenta a sua compreensão da diversidade das culturas e línguas europeias e ajuda-os a adquirirem as competências necessárias para o seu desenvolvimento pessoal. A mobilidade individual, que permitirá aos primeiros alunos partir para o estrangeiro no ano lectivo de 2010/11, está aberta a todas as escolas envolvidas numa parceria escolar Comenius.
http://ec.europa.eu/education/comenius/doc990_en.htm